Archiv für die Kategorie „Influência Indígena“

Guarani e o Português

Há tantas palavras tupi incorporadas ao português que nem percebemos, inclusive até na gíria de jovens. Por exemplo, há jovens que dizem: „O fulano chegou no serviço e BABAU. Perdeu o emprego“. O „Babau“, que muitos acham ser uma gíria de surfista, é uma expressão secular do tupi-guarani, que significa „acabou-se“.

„Este cara é meu xará“. Esta palavra, também tida como gíria, significa „amigo“ no antigo idioma indígena

Aliás, „gaúcho“ era o nome dado aos índios guaranis que viviam nas missões.

Os gaúchos usam e abusam do seu típico „tchê“ no final de suas frases.

„Tchê“ é outro sinônimo tupi-guarani que significa „amigo“. Também significa „eu“ e „meu“. Mas esta palavra tão usada pelos gaúchos incorporou-se tanto no português do Rio Grande do Sul como no espanhol dos argentinos e uruguaios dos pampas fronteiriços ao Brasil por influência também do guarani do Paraguai.

A influência do tupi está no vocabulário da fauna. Nome de animais e plantas como jaguar, jacaré, macaco, sagui (pêlo), tapera (casa abandonada), cangueiro (de „Acanga“-cabeça, instrumento de tração para os bois), ipê, piracema, etc, etc, etc. Ao todo, como lembra Raquel F. A. Teixeira, em artigo no livro „A Temática Indígena na escola (MEC, Mari/ Unesco, Brasília, 1995), 70% do vocabulário do português brasileiro sobre animais plantas provém do tupi-guarani que tem vasta influência no nome de cidades e acidentes geográficos no país. Vejamos alguns exemplos.

Já „Paraná“ significa „rio“ no idioma indígena

Nome Indígenas de Cidades Brasileiras

 

 

 

 

 

 

Araponga: Pássaro Grande;
Anhembi: Rio dos pássaros Nambus;
Araribóia: Cobra do Rio;
Atibaia: Ave Sã;
Avaré: Homem Amigo;
Bocaiúva: Palmeira;
Birigui: Mosquito;
Butantã: Terra Dura;
Catumbi: Folha Azul;
Cabuçu: Vespa Grande;
Caeté: Mata Frondosa;
Cambuci: Vaso de Água;
Cambuquira: Arbusto;
Caramuru: Homem de Fogo;
Caxambu: Tipo de Tambor;
Caçapava: Travessia no mato;
Guapira: Onde o vale começa;
Ibiúna: Terra escura;
Iguatemi: Rio Ondulante;
Itacira: Lâmina afiada;
Itajuí: Onde se encontra o ouro;
Ibirapuera: Arvore poder;
Ipanema: Água ruim;
Ipiranga: Riacho vermelho;
Itajubá: Braço de ferro;
Itapemerim: Caminho de pedra pequena;
Piratininga: Peixe seco;
Paraguassu: Rio grande;
Paranapanema: Água sem peixe;
Tucuruvi: Gafanhoto verde;
Jaguará: Cachorro;
Jenipapo: Árvore muito alta;

Fonte: http://www.bigviagem.com

 

 

 

Calendário
Dezember 2017
M D M D F S S
« Aug    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031